Site Oficial

 

2020 Austrian GP

Bottas 1º vencedor de 2020

Depois de um grande suspense a F-12020 deu a largada no GP da Áustria com a mesmice das vitórias da Mercedes, nesta estréia com Valtteri Bottas de ponta a ponta. Quem olhar o pódio  formado por Bottas, Charles Leclerc (Ferrari) e Lando Norris (McLaren-Renault) pode ter a falsa impressão de que foi uma corrida bem disputada. Mas, na verdade, foi apenas a repetição da superioridade da Mercedes do ano passado, com participação definitiva dos acidentes e as punições nas colocações finais.

Para começar Lewis Hamilton foi punido na formação do grid, perdendo três posições, baixando de 2º para 5º por não obedecer uma bandeira amarela na última  volta da Q3. Durante as 71 voltas da prova, as três entradas do safety car, motivadas pelos acidentes de Kevin Magnussen (Haas-Ferrari) Romain Grosjean (Haas-Ferrari) e Kimi Raikkonen (Alfa Romeo-Ferrari) juntaram carros propiciando mais três largadas, desmanchando várias vantagens. Também o abandono de Max Verstappen, na 11ª volta,com pane hidráulica no seu Red Bull, a punição de Sergio Pérez (Racing Point) por ultrapassar a velocidade nos boxes e a batida de Lewis Hamilton em Alexander Albon, quando o tailandês da Red Bull ia ultrapassá-lo, rendeu ao hexacampeão 5 segundos de punição que  o tirou do 2º lugar do pódio para 4º, definiram as situações do GP austríaco.

Também esse primeiro grande prêmio da temporada demonstrou algumas constatações. Por exemplo: a Ferrari está mal e sua principal deficiência na Áustria foi a falta de potência no motor. Sebastian Vettel sequer chegou a disputar a pole position, ficando de fora da terceira bateria da classificação e Charles Leclerc passou na 10ª  e última posição da Q3, conseguindo apenas o 7º posto  no grid. O pódio de Leclerc se deu pela inteligência do seu boxe num pit stop de pneus, na penúltima estrada do safety car e a punição de Hamilton.

A Red Bull é candidata à segunda força do campeonato, pois embora Verstappen tenha abandonado, o novato Abon demonstrou que os carro está competitivo e será um páreo duro para a Ferrari. Louve-se, ainda, as boas corridas da McLaren, com o promissor Lando Norris e Carlos Sainz, a melhora da Rancing Point — clone da Mercedes — com Sergio Perez, e a irregular Renault de Daniel Ricciardo, embora haja uma distância quilométrica para a Mercedes, novamente a favorita a tudo na F12020. (LM)

Grid:

   Carro / Motor 

 Tempo 

 Atraso
[s]  

 Atraso
[%]  

1

77

Valtteri Bottas Mercedes

1’02.939

-

-

2

44

Lewis Hamilton Mercedes

1’02.951

0.012

0.019

3

33

Max Verstappen Red Bull/Honda

1’03.477

0.538

0.855

4

4

Lando Norris McLaren/Renault

1’03.626

0.687

1.092

5

23

Alexander Albon Red Bull/Honda

1’03.868

0.929

1.476

6

11

Sergio Pérez Racing Point/Mercedes

1’03.868

0.929

1.476

7

16

Charles Leclerc Ferrari

1’03.923

0.984

1.563

8

55

Carlos Sainz Jr. McLaren/Renault

1’03.971

1.032

1.640

9

18

Lance Stroll Racing Point/Mercedes

1’04.029

1.090

1.732

10

3

Daniel Ricciardo Renault

1’04.239

1.300

2.065

11

5

Sebastian Vettel Ferrari

1’04.206

1.267

2.013

12

10

Pierre Gasly AlphaTauri/Honda

1’04.305

1.366

2.170

13

26

Daniil Kvyat AlphaTauri/Honda

1’04.431

1.492

2.371

14

31

Esteban Ocon Renault

1’04.643

1.704

2.707

15

8

Romain Grosjean Haas/Ferrari

1’04.691

1.752

2.784

16

20

Kevin Magnussen Haas/Ferrari

1’05.164

2.225

3.535

17

63

George Russell Williams/Mercedes

1’05.167

2.228

3.540

18

99

A.Giovinazzi Alfa Romeo/Ferrari

1’05.175

2.236

3.553

19

7

Kimi Räikkönen Alfa Romeo/Ferrari

1’05.224

2.285

3.630

20

6

Nicholas Latifi Williams/Mercedes

1’05.757

2.818

4.477

 

Classificação:

 Cla 

 Nº 

 Piloto   Carro / Motor 

 Voltas 

 Tempo 

 Atraso/Abandono 

1

77

Valtteri Bottas Mercedes

71

1:30’55.739

2

16

Charles Leclerc Ferrari

71

1:30’58.439

2.700

3

4

Lando Norris McLaren/Renault

71

1:31’01.230

5.491

4

44

Lewis Hamilton Mercedes

71

1:31’01.428

5.689

5-second penalty for causing a collision

5

55

Carlos Sainz Jr. McLaren/Renault

71

1:31’04.642

8.903

6

11

Sergio Pérez Racing Point/Mercedes

71

1:31’10.831

15.092

5-second penalty for speeding in the pit lane

7

10

Pierre Gasly AlphaTauri/Honda

71

1:31’12.421

16.682

8

31

Esteban Ocon Renault

71

1:31’13.195

17.456

9

99

A.Giovinazzi Alfa Romeo/Ferrari

71

1:31’16.885

21.146

10

5

Sebastian Vettel Ferrari

71

1:31’20.284

24.545

11

6

Nicholas Latifi Williams/Mercedes

71

1:31’27.389

31.650

12

26

Daniil Kvyat AlphaTauri/Honda

69

1:29’04.910

Furo

13

23

Alexander Albon Red Bull/Honda

67

1:26’42.987

Power Unit

(12)

7

Kimi Räikkönen Alfa Romeo/Ferrari

53

1:06’20.856

Roda

(13)

63

George Russell Williams/Mercedes

49

1:00’28.281

Pressão de combustível

(16)

8

Romain Grosjean Haas/Ferrari

49

1:01’35.277

Freios

(11)

20

Kevin Magnussen Haas/Ferrari

24

28’42.304

Freios

(14)

18

Lance Stroll Racing Point/Mercedes

20

24’01.226

Abandono

(19)

3

Daniel Ricciardo Renault

17

20’41.329

Superaquecimento

(20)

33

Max Verstappen Red Bull/Honda

11

13’57.678

Sistema hidráulico

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>