Site Oficial

Maracutaia dá título

de 1958 a Mike Hawthorn

 

1958 Italian Grand Prix. Ref-2447. World © LAT Photographic

Mike Hawthorn  (foto) foi o primeiro campeão inglês de Fórmula 1, mas sua façanha ficou marcada pela interferência do boxe da Ferrari.

Quando o circo acampou em Monza, para o penúltimo grande prêmio de 1958, Hawthorn disputava o título com o conterrâneo Stirling Moss e a contagem estava 33 a 30 para o adversário. Mas na corrida o norte-americano Phil Hill, o segundo piloto da Ferrari, era quem brigava pela vitória contra Tony Brooks, da Vanwall. Hill já tinha batido o recorde da volta por duas vezes, quando o boxe mandou que ele cedesse o segundo lugar a Hawthorn, terceiro naquela altura da prova. Hill obedeceu, trocou de posição e Hawthorn que, com o segundo lugar e sem briga, folgou 6 pontos de Moss.

No GP seguinte, disputado em Marrocos, repetiu-se a maracutaia. Outra vez Phil Hill estava em segundo e, dessa vez, pronto para ultrapassar o Vanwall de Stirling Moss e ganhar a liderança, quando o boxe mandou ele aliviar e deixar Hawthorn passá-lo. Phil Hill – vivendo o mesmo drama que se repetiria com Rubinho Barrichello na mesma Ferrari, meio século depois – obedeceu e, novamente, fechou em terceiro.

Dessa forma, mesmo com a vitória de Moss, Mike Hawthorn sagrou-se campeão, por um pontinho – 42 a 41. De prêmio, o obediente Phil Hill ganhou um contrato de três anos na Ferrari, escuderia pela qual foi campeão mundial – sem maracutaia – em 1961. (LM)

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>