jul 22 2020

Styria 2020: Deu Hamilton sem ameaças

Published by at 12:52 under Sem categoria

Hamilton Styrin

Hamilton passeou no GP da Styria

O GP de Styria, realizado na  Áustria, no circuito de Spilberg, o mesmo circuito do grande prêmio do pais, aconteceu simplesmente mais um desfile da Mercedes Benz, desta vez com Lewis Hamilton, que venceu de ponta a ponta. A rigor, foi um  fim de semana-show do inglês que completou uma volta espetacular na classificação sob um dilúvio que desabou no circuito. Foi mais de um segundo de vantagem de Max Verstappen, o segundo colocado, numa formação de grid em que ele marcou a sua 89ª pole position nu num espetáculo no qual os pilotos mais pareciam aqualoucos.

Da corrida há pouco a dizer de Lewis, a não ser que ele foi quase perfeito num desfile em que não teve ameaças, seguido por Valtteri Bottas em mais uma dobradinha da Mercedes.  Louve-se o esforço de Max Verstappen, que estoicamente manteve a segunda posição a té a penúltima das 71 voltas quando foi superado pelo finlandês. Também, com boa vontade, pose-se salientar, os ótimos duelos pela posições intermediárias entre a McLaren e a Racing Point, com Carlos Sainz e Lando Norris contra Sergio Peres e Lance Stroll protagonizando várias ultrapassagens e troca de posições durante toda a prova.

E a Ferrari? Bem o time italiano merece um capítulo à parte nesta corrida da Styria. Foi um vexame para passar à história. Na classificação ambos perderam  posições no grid por  obstarem tentativas de classificações de adversários obrigando Sebastian Vettel a largar em 10º e Charles Leclerc em 11º. Mas se na formação  do grid a colocação foi vexatória, na corrida foi pior. Pois logo na segunda curva Leclerc subiu na zebra decolou e atingiu a Ferrari de Vettel ficando ambos fora  do grande prêmio. Leclerc assumiu a culpa pelo fiasco, mas há muito mais na Ferrari por ser assumido neste início de temporada. Na verdade, desde que a FIA examinou o motor italiano, antes da largada da temporada  — aceitando uma denúncia da Red Bull — que a potência do seu motor,  principalmente nas retas, não apresenta a potência de 2019. A Federação Internacional de Automobilismo manteve o resultado do exame sob sigilo, mas é notório que o propulsor italiano caiu de potência.

No próximo domingo teremos a terceira corrida de ano, o GP da Hungria. Mas pelo que se viu nas duas corridas na pista da Red Bull Ring dificilmente ocorrerá  grande novidades. A depender da Ferrari será muito difícil, a opção é torcer para que a Red Bull, e principalmente Verstappen, faça alguma proeza para dificultar outro desfile das Mercedes, (M)

Campeonato:

 Piloto  Pontos Grandes Prêmios
12345678910
1Valtteri Bottas43  2518
2Lewis Hamilton37  1225
3Lando Norris26  1610
4Charles Leclerc18  18
5Sergio Pérez16  88
6Max Verstappen15  15
7Carlos Sainz Jr.13  103
8Alexander Albon12  12
9Pierre Gasly6  6
10Lance Stroll6  6
11Esteban Ocon4  4
11Daniel Ricciardo4  4
13Antonio Giovinazzi2  2
14Daniil Kvyat1  1
15Sebastian Vettel1  1
16Nicholas Latifi

No responses yet

Trackback URI | Comments RSS

Leave a Reply